Criança de três anos é encontrada presa em barril; menino estava nu, sem água e não era alimentado

Fonte: Aratu ON

Uma criança de três anos foi encontrada presa dentro de um barril, em uma residência no bairro do Itaim Paulista, zona leste de São Paulo, na tarde desta última quinta-feira (25/2). Segundo informações do portal UOL, o menino estava nu, sem alimentação e sem água.

O resgate foi realizado por agentes da Polícia Civil, da PM e do Conselho Tutelar. De acordo com as equipes, o barril onde a criança foi encontrada estava encostado na parede, impedindo que ela escapasse.

O conselheiro tutelar Antônio Carlos Cazuza foi o responsável pela denúncia. Conforme o portal, ele recebeu imagens que mostravam os maus-tratos e acionou a Polícia Militar. No local estavam a mãe do menino, de 20 anos, e a tia dela, de 44.

Aos policiais, a mãe alegou que o filho tinha deficiência mental, e que o deixava preso, para ele “não sair fazendo necessidades em qualquer lugar”. “Até dá para desconfiar que ele tenha algum distúrbio. O menino não chora ou se mexe. Fica só paradinho o tempo todo”, contou o conselheiro tutelar.

Após o resgate, a criança foi levada para um pronto-socorro da região, onde recebeu atendimento. Os profissionais da unidade de saúde constataram que ele estava com subnutrição. O caso foi registrado no 50º Distritito Policial, como sequestro e cárcere privada e tortura. Também foi solicitada uma perícia na casa do menino e exame cautelar.

O garoto ficará sob responsabilidade do Conselho Tutelar. Já a mãe e a tia foram autuadas em flagrante e estão à disposição da Justiça.