Governo de São Paulo multa Bolsonaro por não usar máscara em “motociata”

Fonte: Radar da Bahia

Por não usar máscara de proteção individual, essencial para evitar a disseminação da Covid-19, em ato realizado neste sábado (12) e que reuniu milhares de moticiclistas, o Governo de São Paulo autuou o presidente Jair Bolsonaro, o seu filho, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), e o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes.

Sem máscara, Bolsonaro apareceu pilotando uma motocicleta no ato batizado de “Acelera para Cristo”, que teve início na zona norte da cidade com destino ao Ibirapuera.

Em nota, o governo reforça a “necessidade da manutenção das medidas preventivas” existentes e já deliberadas pelas autoridades de saúde.

“O documento endereçado às três autoridades pontua a necessidade da manutenção das medidas preventivas já conhecidas e preconizadas pelas autoridades sanitárias internacionais, como uso de máscara e distanciamento”, diz o texto.

Em maio, o governador Flávio Dino (PCdoB), do Maranhão, também multou o presidente por não usar máscara de proteção durante um evento em Açailandia, em São Luís.