Mulher e bebê morrem após vitima sofrer crise convulsiva durante parto e companheiro se negar a prestar socorro: ‘obra do senhor’, disse o suspeito

Fonte: Bahia.Ba

Uma mulher, quenão teve a identidade divulgada, e o bebê recém-nascido, que ela havia acabado de dar à luz, foram encontrados mortos dentro de uma casa localizada no do Engenho Velho, Zona Rural de São Miguel das Matas, a 229 km de Salvador. O caso ocorreu na sexta-feira (23/7).

Segundo a Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), o companheiro da mulher acabou sendo conduzido à Delegacia após relatar que se recusou a socorrer a vítima, que havia entrado em trabalho de parto na noite do dia anterior e sofrido várias crises convulsivas. Ele alegou que não prestou nenhum tipo de socorro por questões religiosas.

Na sede da 4ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Santo Antônio de Jesus), um auto de prisão em flagrante por omissão de socorro foi lavrado contra ele. O delegado Felipe Ghiraldelli, responsável pelo flagrante, explicou que o homem ainda enterrou o cordão umbilical do bebê no quintal.

“Ele dizia que o mal estar da mulher seria ‘obra do senhor’ e não a socorreu, até o pai dele chegar à propriedade e acionar a polícia”, detalhou o delegado.

“O suspeito também deve responder por fraude processual, por ter limpado o local para apagar vestígios”, concluiu o delegado. Foram expedidas as guias periciais e o homem está à disposição da Vara Criminal.