Modelo é usada como ‘isca’ para gangue torturar e matar homem

Fonte: BNews

A modelo Coral Edgar, de 26 anos, foi presa no último dia 30 de julho, por envolvimento na morte de Lee McKninght, 26, após atrair o rapaz com a promessa de sexo. O plano havia sido preparado por uma gangue que esperava receber do homem o valor de uma dívida. O caso aconteceu em Carlisle, na Inglaterra.

Segundo reportagem da Record TV, Lee foi chamado até a casa de luxo da modelo e lá três capangas da facção o aguardavam. O rapaz foi torturado com chutes, socos e um chicote comprado em uma loja de sexy shop.

Depois do crime o corpo foi enrolado em um tapete, colocando dentro de um carro e jogado em um lago para dificultar a localização.

Vizinhos notaram uma movimentação estranha e resolveram chamaram a polícia. Coral, a mãe, os três integrantes da gangue e o pai de um dos rapazes foram presos e condenados à prisão perpetua.