Carla Zambelli é intimada novamente pela PF para depor no inquérito das fake news

Fonte: BNews

A deputada federal Carla Zambelli (PSL-SP) foi intimada pela Polícia Federal a depor no âmbito do inquérito das fake news.

Em comunicado enviado à imprensa pela assessoria, a bolsonarisa informa que vai comparecer à oitiva que deve ser realizada neste domingo (5). O depoimento foi determinado pelo ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF).

“É certo que, para mim, o mar ficará agitado após essa oitiva, mas nada impedirá que eu mantenha minhas convicções e acredite naquilo que sempre defendi”, disse Zambelli, que alega não ter tido ainda acesso aos autos. O conteúdo da nota foi compartilhado pela parlamentar no Twitter.

Em junho, ela compareceu à sede da PF após ser intimada a depor na mesma investigação, mas se manteve calada durante toda a oitiva.

Zambelli está na lista de parlamentares alvos por ameaças a ministros do STF e suspeita de participação no chamado “gabinete do ódio”, que promove notícias falsas em esquema nas redes sociais de forma organizada, a favor do governo Bolsonaro e para difamar adversários políticos.

Nesta sexta-feira (3), a deputada saiu em defesa do blogueiro bolsonarista Wellington Macedo, preso após Moraes acolher o pedido da Procuradoria-Geral da República, investigado no caso da organização de atos violentos marcados para o dia 7 de setembro.

“Alexandre mandou prender Zé Trovão e Wellington Macedo. Vivendo o fim dos tempos. Este homem se julga uma divindade. Cansada de medir palavras com receio de ferir o ego megalomaníaco dele. Suas atitudes ecoarão na história e até parte da esquerda já enxerga a verdade”, escreveu nas redes sociais.