Morre escritor Tarcísio Padilha, imortal da Academia Brasileira de Letras

Fonte: Bahia.Ba

Morreu nesta quinta-feira (9) vítima da Covid, o escritor e professor de filosofia Tarcísio Padilha. Ele tinha 93 anos e era integrante da Academia Brasileira de Letras desde 1997 e da qual foi presidente entre 2000 e 2001. A informação é da coluna de Lauro Jardim, do jornal O Globo.

Com a morte de Padilha, já são cinco as vagas abertas na ABL. Ao contrário das outras quatro vagas abertas, que já têm candidatos definidos, para esta cadeira de agora em princípio, só há um pretendente: o advogado Sérgio Bermudes que em recente artigo para a revista ‘Piauí’ se disse disposto a entrar na ABL.