Latino é processado por calote de R$ 7 mil no Hospital Albert Einstein

O cantor Latino foi processado pelo Hospital Israelita Albert Einstein por conta de uma dívida de R$ 7 mil. O valor é referente a um tratamento médico do artista.

A 2ª Vara Cível da Barra da Tijuca recebeu uma carta precatória para que Latino seja notificado do processo que é movido na Justiça de São Paulo, mas tem tido dificuldades para encontrar o cantor, que mora em um condomínio no Rio de Janeiro.

Segundo funcionários do local, Latino não é visto há bastante tempo e toda das vezes que oficiais de Justiça foram ao local, não conseguiram encontra-lo.