“Operação Playboy”: estudante de medicina suspeito de traficar para alunos de escola cara é preso com comparsas na Bahia

Fonte: Aratu On

Um jovem que estudava medicina na Bolívia e dois amigos foram presos por tráfico de drogas na quinta-feira (16/9) no município de Senhor do Bonfim, a 375 km de Salvador.

Os três, que não tiveram as identidades reveladas por conta da Lei de Abuso de Autoridade, foram enquadrados em uma ação batizada pela Polícia Civil de “Operação Playboy”, focada nesse tipo de traficante.

As investigações apontam que o estudante seria o mentor da ação. “Os outros trabalhavam com instalação de câmeras de monitoramento aqui na cidade. Os três residiam em frente a uma escola particular de classe média alta, onde possivelmente faziam a distribuição das drogas”, relatou o titular da 1ª Delegacia Territorial, Leonardo Virgílio.

Com eles, foram encontrados porções de maconha e cocaína, embaladas para venda. Também haviam comprimidos de ecstasy, balanças, máquina de débito e crédito, celulares e grande volume de embalagens plásticas. O trio foi encaminhado para a DT, onde foi autuado por tráfico de drogas.