Pai que se recusa a se vacinar é proibido de visitar a filha no RS

Fonte: Bahia.Ba

Um pai da cidade de Passo Fundo que se recusa a se vacinar contra a Covid-19 está proibido de visitar a filha, de um ano. A medida, em caráter liminar, foi obtida pela Defensoria Pública do governo gaúcho. Separados, os pais da menor compartilham a guarda.

Segundo a Defensoria, há 2 meses o pai contraiu Covid-19 e transmitiu a doença à filha. Ao retomar as visitas após recuperado, não manteve os cuidados para enfrentamento da pandemia, e ainda afirmou que não iria se vacinar. A ação foi ajuizada pela defensora Vivian Rigo

A mãe da criança, que já está vacinada com a primeira dose, procurou a Defensoria para solicitar a suspensão das visitas temendo pela saúde da filha. Na petição, a defensora Vivian Rigo afirmou que “não poderia deixar de buscar a tutela judicial para proteger a criança, diante da negligência do genitor para com a saúde da própria filha”. Fonte: Terra