Pedreiro diz que concretou jovem na parede após ter feito sexo com ela

Fonte: BNews

Um pedreiro de 56 anos foi preso após confessar que estrangulou a jovem Joice Maria da Glória Rodrigues, de 25 anos, em São Vicente, no litoral de São Paulo.

O homem afirmou que estrangulou a jovem com uma camiseta e depois concretou a vítima em uma parede. O pedreiro trabalhava em uma obra no local em que o corpo foi localizado. De acordo com informações disponibilizadas pela polícia, outro suspeito foi detido.

A jovem foi localizada na parede de um imóvel em construção na Rua Senador Lúcio Bittencourt, no bairro Esplanada dos Barreiros. Ela estava desaparecida havia oito dias. O suspeito confessou o crime na última terça-feira (5) e alegou que matou a vítima após ter feito sexo com ela.

A investigação foi conduzida por policiais da 3ª Delegacia de Investigações sobre Homicídios do Deic Santos. No local do crime foram encontrados pinos plásticos vazios, utilizado geralmente para uso de cocaína.