Weintraub: ‘Não confio mais no presidente Bolsonaro para conduzir os rumos do país’

Ex-ministro da Educação, Abraham Weintraub (Brasil 35) voltou a criticar o presidente Jair Bolsonaro (PL) e disse não confirmar mais no mandatário para conduzir o Brasil.

“Eu não confio mais no presidente Bolsonaro para conduzir os rumos do país e o Brasil se tornar um local seguro para eu criar meus filhos e netos, eu acho que o presidente Bolsonaro quando ele se aproximou do centrão, foi cooptado e agora está junto com eles”, declarou Weintraub, que é pré-candidato ao governo de São Paulo, em sabatina do Uol e Folha de S. Paulo.

Apesar do desapontamento com Bolsonaro, o ex-ministro afirmou que votará no antigo chefe, contra o ex-presidente Lula (PT), nas eleições presidenciais de outubro. “É lógico, eu escolheria qualquer um que não fosse o Lula, eu sempre vou ficar contra o Lula”, disse Weintraub, que classificou o petista como “inimigo pessoal”.

Essa não é a primeira vez que o ex-ministro da Educação criticou Bolsonaro. Recentemente ele acusou o presidente de não ser um verdadeiro conservador e de ter sido “sequestrado” pelo centrão.