Mercado de trabalho registra recorde em pedidos de demissão no mês de março

O número de pedidos de demissão no Brasil, em março deste ano, registrou recorde, com mais de 603 mil desligamentos, segundo levantamento da LCA Consultores, que levou em conta os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

O resultado indica que mesmo com o fraco desempenho do mercado de trabalho e o desemprego atingindo 12 milhões de brasileiros, muitos trabalhadores estão deixando seus empregos voluntariamente.

Segundo especialistas, o número é explicado pelas consequências da pandemia, que por necessidade muitas pessoas acabaram aceitando trabalhos que não necessariamente eram das suas áreas.

Agora, com o mercado voltando aos poucos, os brasileiros voltaram a procurar trabalhos nas suas especialidades, resultando no aumento de demissões.